A minha Lista de blogues

quinta-feira, 30 de abril de 2015

International Jazz Day 2015




International Day of Jazz was celebrated for the first time 3 years ago, on 30th April 2012,  in order to raise awareness of the virtues of jazz as musical genre. 



quarta-feira, 29 de abril de 2015

Chocolate tasting



Today I went to a chocolate tasting event organized by VAAUW, a non-profit civil association in Venezuela that provides scholarships and educational reinforcement to low income young people and children.




The event was presented by Mr Jorge Redmond, President of El Rey Chocolatiers.















Chocolate trees and pods in Chuao, Venezuela

The fruit of the cacao tree is a pod that comes in various colours depending on genetics and the degree of ripeness—green, yellow, orange, red, purple or maroon.




Today I learned there are three different types of cacao:

  • Criollo: Called the prince of cacaos, Criollo is a rare bean grown mainly in Central America and the Caribbean. Its pod is soft and thin and light-colored. Only a small percent of the world's cocoa comes from this fragrant bean.  
  • Forastero: More commonly found and more productive, Forastero trees have thicker pods and a strong chocolate taste. Most cocoa is of this variety, and it thrives in Brazil and Africa. 
  • Trinitario: This cross of Criollo and Forastero, which originated in Trinidad, is easily cultivated. It has smooth pods and flavourful beans.


These are samples of Venezuelan cacao and chocolate that I always keep at home for baking and tasting.

It is fantastic that doctors say you should eat chocolate (the dark variety, though) every day. These are rules I follow with pleasure.



To be sure my treatment is complete I have even had a beauty treatment recently which included spreading chocolate all over the body.


It is very messy but relaxing.

Sin Título




Félix Perdomo : Las Sombras en el Espacio


segunda-feira, 27 de abril de 2015

sábado, 25 de abril de 2015

A última sinfonia

de Beethoven


A orquestra Sinfónica Simón Bolívar de Venezuela apresentou hoje a 9ª e  última sinfonia de Beethoven.Fez parte da série de concertos, que incluíram as nove sinfonias daquele grande compositor. Integraram o 10º Festival de Juventude, dirigido pelo maestro Gustavo Dudamel e através do qual se pretendeu homenagear o fundador do sistema de orquestras e coros infantis e juvenis da Venezuela, o Maestro José António Abreu, que nasceu em 1939.

Beethoven sempre quis compor uma grande obra musical. A inspiração para criar a nona sinfonia surgiu, em grande parte, após a leitura do poema de Schiller An die Freude. Desde esse momento, parece ter nascido a sua vontade em adaptá-la a uma peça musical. Levou quase 20 anos a realizar essa ambição. 

A 9ª sinfonia estreou-se em Viena, em 1824. Beethoven, devido à sua surdez, não conseguiu ouvir os aplausos da sala cheia, mas pôde gozar o sucesso da sua criação, que se tornou uma das obras mais importantes e universais de toda a História da Música..
O quarto movimento com um coro de mais de 100 pessoas, duas sopranos e dois tenores exalta de forma magistral o triunfo da alegria e da fraternidade entre os homens.
Como realçou a musicóloga e professora Isabel Palacios, na sua introdução, a música é uma arte que necessita ser interpretada, ao contrário da literatura e pintura, pois a maioria das pessoas não consegue sequer imaginar a música olhando para as pautas. Gostei desta sua explicação para uma sala com muitos jovens músicos. Na Venezuela a educação musical, a sério, começa na primária. E o sistema de orquestras para jovens procura através da música inserir na sociedade as crianças e adolescentes mais desfavorecidas.



50º aniversário da Casa Portuguesa de Arágua



Ontem fui às celebrações do 50º aniversário da Casa Portuguesa de Arágua, em Maracay. O centro tem ótimas instalações, as quais incluem uma piscina olímpica e dois restaurantes. Fica acerca de 2 horas da capital. Esta associação foi criada por imigrantes portugueses como forma de matar saudades de Portugal e, hoje em dia, é frequentada pelos filhos e netos dos seus fundadores. 



O espetáculo inicial incluiu danças venezuelanas e espanholas. Estava a ter dificuldade em ver a relação com os costumes e tradições de Portugal. Contudo, a atuação do grupo folclórico da Casa Portuguesa de Maracay, intitulado "Amizade", foi excelente e gostei muito de ver a continuação das nossas tradições, neste caso do norte de Portugal com um casalinho de crianças muito bem dispostas e animadas.



Da próxima vez gostaria de ouvir, por exemplo, um poema de Sophia Mello Breyner, como comentei  ao Cônsul de Portugal em Valência.
O presidente daquela associação foi muito simpático. Chamaram-me ao palco e ofereceram-me um quadro de um pintor venezuelano, luso-descendente, que se dedica a pintar paisagens de Portugal. Chama-se Pedro Abreu.



quinta-feira, 23 de abril de 2015

Choroni Paradise







Choroni is an old town with a few narrow streets lined with pastel houses. Puerto Colombia, just 2 km north of Choroni is the local port full of posadas and restaurants and the base for excursions to Venezuela´s oldest national park named for its founder, Swiss botanist Henri Pittier.






The park covers an extensive area of the Cordillera de la Costa, which can be considered the continuation of the Andes system. This mountainous region can be reached from the city of Maracay. 




You ascend steeply through a narrow road with many curves and can observe its extraordinary diversity of woods, rain forest and dense cloud forest almost unspoiled ( if you don´t feel sick). This will take almost an hour and then you start descending for another hour until you reach the coast. 



There is no road connection between the different coastal towns (pueblos) because of the rocky cliffs. The only way to get from one to the other is by boat. 
The only beach we can walk to is Playa Grande.




The original shower outside the bedroom
at Casa Mori


To avoid the huge weekend crowds we arrived on Monday. We stayed in a very cosy posada recommended by a friend and then let the adventure begin…


Playa Grande










































Most excursions take you either east to the beaches of Valle Seco, Chuao and Cepe or west to La Cienaga (1 hour). The problem is that we wanted to mix Chuao, famous for its cacao, situated in the east, with the most beautiful beach, La Cienega, situated in the west. With the help of the posada manager we found someone who could take us to both places. For that we had to rent a boat for ourselves. What we didn´t know is that the sea is normally rough and sometimes I was “flying”. I forgot about back problems and tendonitis because all I wanted was to have fun. Now, as I write this I feel different. (I remember my grandmother saying, in a very enthusiastic spirit: “WE ARE GOING TO THE PARTY!!!”; And after, “We aree comiiing bback froomm the party”, in a very tired mood)





In Chuao we wanted to go to the town (5 km) and see the cacao plantations. As there were no taxis or cars we took the school bus full of children and to come back we found a truck and asked for a lift, after walking half of the way.

In La Cienega we enjoyed the surrounding bay and swam near the pelicans...

Chuao:









.


















La Cienega:








Choroni, April 20, 21 and 22






segunda-feira, 20 de abril de 2015

43º aniversário do Centro Marítimo de Venezuela


Hoje fui á festa do 43º aniversário do Centro Marítimo de Venezuela.

Apesar de termos sido recebidos com uma má noticia- um homem da comunidade local fora morto de manhã com um tiro na cabeça muito perto das instalações do clube - a direcção e os sócios decidiram não cancelar a festa. A atuação do grupo musical de rock, dos anos 60, Los 007, conseguiu animar a festa de aniversário e criar um ambiente alegre. Gostei de ouvi-los e recordei nalgumas canções já clássicas como "The House of the Rising Sun" (The animals, 1964)

È claro que a festa teve um momento mais solene com o discurso do Presidente daquela Associação e o do Embaixador de Portugal.